O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Twitter

Facebook

Nosso Blog

Blog do Karel

Sua Pesquisa

Nossos Serviços

Tradutor

Florais - As Essências e a Terapia Floral

Conheça o tratamento natural que dá equilíbrio emocional, as suas flores, plantas, terapeutas florais, consultas, cursos, notícias gratuitas em Curitiba PR, Brasil.


Descubra os Benefícios da Terapia Floral

Por que ela é tão eficiente?

Heather


Quem trabalha com a terapia floral descobre a beleza e a maravilha de ver seres humanos transformados, reencontrados e mais auto-conscientes. Terapeutas florais bem formados e experientes têm ciência da ação notável das essências florais em seres humanos, animais e até em plantas.

Os resultados efetivos da terapia floral têm sido comprovados não só pelos especialistas da área, como por uma ampla gama de profissionais, como médicos, dentistas, pedagogos, psicólogos, entre outros. Mesmo veterinários e criadores de animais têm utilizado, com muito sucesso, a terapia floral no tratamento de animais domésticos e selvagens.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), que é uma importante agência da ONU, declarou em 1978, na Conferência Internacional sobre Cuidados Primários de Saúde, que "Cada remédio trata uma determinada pessoa e uma condição particular. O uso de todos estes remédios (as essências florais) está amplamente distribuído pelo mundo em uma pequena escala. Eles são excelentes para o auto cuidado, sendo totalmente sem efeitos colaterais e não oferecem perigo caso um remédio errado seja prescrito”.

Desde a descoberta das essências florais e a sistematização da terapia floral feita pelo Dr. Bach, na década de 1930, milhões de pessoas foram beneficiadas pelo seu uso. A terapia floral é hoje reconhecidamente uma forma terapêutica e uma ciência bem fundamentada e sistematizada, que proporciona reequilíbrio emocional, mental e comportamental para as pessoas, de forma simples, precisa e suave.

O Uso da Terapia Floral

A terapia floral é indicada para o tratamento de desequilíbrios emocionais, afetivos, psíquicos e comportamentais. Por isso, é utilizada no tratamento de medos, pânico, traumas, TOC, compulsões, carências emocionais, irritabilidade, depressão, insegurança, autoritarismo, apatia, desatenção, dificuldade de aprendizado, humor instável e outros.

Normalmente, os resultados mais efetivos são obtidos através da orientação de um terapeuta floral ou de outro profissional da área da saúde igualmente bem treinado em terapia floral. Porém, qualquer pessoa pode recorrer às essências florais para o seu uso pessoal, desde que tenha um conhecimento razoável sobre si mesma e sobre o uso das essências florais.

Além do consultório terapêutico, a terapia floral tem sido utilizada, com bons resultados, em escolas, asilos, abrigos, instituições que cuidam de animais, empresas, situações pré e pós cirúrgicas, atendimentos odontológicos e outras. Apesar disso, a terapia floral não é uma panaceia. Existem muitas circunstâncias onde a combinação de outras formas terapêuticas é fundamental para auxiliar o doente.

Os Mecanismos de Ação das Essências Florais

O sucesso da terapia floral no tratamento das nossas deficiências e desequilíbrios psicológicos está ligado à singularidade das essências florais.

As essências florais são extraídas, em geral, de plantas silvestres específicas. Cada planta tem a capacidade de reequilibrar e reordenar um estado psíquico humano particular. Então, uma planta trata do estado de medo, uma outra da tristeza, outra da impaciência, e assim por diante.

Por exemplo, a flor da planta Gentiana amarella (cuja essência floral chama-se Gentian) tem o mesmo padrão de ondas bio-eletromagnéticas que a mente humana emite quando um indivíduo está num estado de otimismo, confiança e perseverança. Então a essência floral Gentian é utilizada para tratar os quadros de desânimo, pessimismo e falta de confiança.

Como outro exemplo, temos a flor da planta Mimulus guttatus (cuja essência floral chama-se Mimulus). Ela possui as mesmas configurações energéticas das ondas bio-eletromagnéticas emitidas por uma pessoa que se encontra num estado de coragem, desembaraço e valentia. Por isso, essa essência é indicada para tratar pessoas que sentem-se tímidas, ou que são medrosas, ou mesmo para os momentos em que nos sentimos amedrontados frente a alguma circunstância.

O motivo que torna o uso dessas plantas compatível com a mente humana, foi a descoberta de que certas flores silvestres têm o mesmo padrão de ondas (forma e frequência) que são emitidas pela mente humana saudável. Porém, como a energia de certos vegetais pode ter uma ressonância com os estados da mente humana?

Muitos seres vivos compartilham de estados psíquicos semelhantes. Humanos, cães, gatos e praticamente todos os animais conhecidos manifestam emoções como o medo, a coragem, a tristeza, a raiva, a agressividade, o ciúmes e tantos outros. Hoje, depois das pesquisas iniciadas pelo cientista Cleve Backster, a ciência reconhece que as plantas e os vegetais também manifestam estados psíquicos muito semelhantes aos nossos, como a ansiedade, a alegria, o medo, a empatia, etc.

Então, dentro de uma perspectiva materialista, as essências florais obtidas a partir de plantas que possuem determinados padrões de ondas positivos, estáveis e perfeitamente coerentes com os estados da mente humana saudável, podem reordenar os padrões psíquicos alterados de seres humanos. Assim, quando uma pessoa toma uma essência floral, ela recebe um padrão de onda bioenergético, organizado e natural, que ressoa nas estruturas do seu próprio sistema nervoso, remodelando-o, e assim influenciando toda a sua psique e suas condições emocionais.

Já a partir de um ponto de vista espiritual, as essências florais carregam em si padrões de consciência espiritual. Estes padrões são positivos e estão em perfeita ressonância com as estruturas de consciência harmônica que formam o universo. Assim, quando ingeridas, as essências florais alcançam os núcleos de consciência espiritual básica do indivíduo, fazendo com que ele recobre os padrões de consciência universalmente coerentes e humanamente corretos.

As Características do Tratamento com a Terapia Floral

Existem inúmeras essências florais sistematizadas e isso permite que, através da terapia floral, seja possível sanar muitos distúrbios emocionais, afetivos e psicológicos que se apresentam nos seres humanos.

Uma vez que a pessoa entende que está com dificuldades emocionais ou psicológicas, ou quando uma mãe percebe comportamentos improdutivos ou nocivos em seu filho, ou quando alguém está passando por momentos difíceis ou está com uma doença grave, ou quando um animal demonstra medo, agressividade ou outras tendências negativas, o terapeuta floral ou outro profissional treinado em terapia floral pode ser procurado.

O terapeuta floral ou o profissional habilitado em terapia floral vai escutar, observar, sentir e trocar informações com o seu paciente. Vai estabelecer um contato humano com ele, e, depois de ouvir suas queixas, observar suas reações, dificuldades e comportamentos, e compreender quais os estados mentais e emocionais que estão lhe afetando, prescreverá a essência ou a fórmula composta de essências florais para o seu tratamento.

Depois de tomar o composto floral por algum tempo, o paciente pode retornar e a reavaliação de sua condição inicial será feita pelo profissional. Se o tratamento ainda não alcançou a mudança de estado correta, ou seja, se a pessoa ainda não alcançou o padrão psicológico correto para lidar com seu problema ou com seus conflitos, então o tratamento continuará por um tempo até que uma mudança real e efetiva ocorra na pessoa, e esta seja capaz de lidar com a situação de forma equilibrada. E se o tratamento for bem feito, o padrão de consciência da pessoa mudará fundamentalmente, e ela terá amadurecido este seu aspecto emocional de forma duradoura.

É preciso que se saiba que a terapia floral não trata de problemas físicos ou de doenças orgânicas. Não existe algo como uma essência floral para combater a gastrite, a obesidade, a dor de cabeça, o câncer, etc. O que é verdadeiro nesse aspecto, é que é possível tratar das causas emocionais ou psicológicas das doenças com a terapia floral. Então, se uma pessoa tem enxaquecas ou uma alergia de origem emocional, ou uma dor de estômago devido ao medo, à ansiedade ou à raiva, pode-se tratar a origem psicológica do distúrbio, e, em alguns casos, isso resultará na própria remissão dos sintomas e na cura efetiva do distúrbio, já que a origem psicológica do distúrbio foi sanada.

A terapia floral é compatível com qualquer tratamento, e pode ser utilizada em praticamente quaisquer circunstâncias da vida de uma pessoa. Além disso, não tem efeitos colaterais, toxicidade ou contraindicações, e pode ser usada durante a gravidez, a amamentação, em bebês, idosos, em casos de doenças severas ou terminais, em pacientes psiquiátricos, etc.

Fonte: Alberto Fiaschitello - é terapeuta naturalista e cientista social - www.epochtimes.com.br




Leia também no Jornal Florais: